Início Grupo italiano INC vence leilão e adquire Rodoanel da região metropolitana de Belo Horizonte

Grupo italiano INC vence leilão e adquire Rodoanel da região metropolitana de Belo Horizonte

16 de agosto de 2022 às 22:01
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Rodoanel
Rodoanel (Reprodução: divulgação)

Na última semana, o grupo italiano INC ganhou o leilão da Parceria Público Privada (PPP) no Rodoanel na região metropolitana de Belo Horizonte, conforme reportagem do jornal Valor Econômico. Sediada em Turim, a empresa já possui duas concessões rodoviárias de grande porte na Itália, além de atuar como construtora e com ferrovias. Atualmente, a empresa deseja expandir o seu negócio com aquisições no Brasil e no restante da América do Sul.

Entre analistas do setor, a entrada de um novo operador estrangeiro no mercado brasileiro já estava sendo considerada uma perspectiva remota, especialmente diante do cenário econômico desafiador atual, além das campanhas eleitorais que estão ocorrendo em todo o país. Durante o leilão, a empresa realizou uma oferta de 12,14% de desconto sobre o valor que será pago pelo Estado. Neste sentido, ela conseguiu derrotar a proposta de seu único concorrente, o grupo China Railway Construction Corporation (CRCC) que, inicialmente, ofereceu um lance de 10,2% de deságio. Sendo assim, com o desconto, o governo mineiro deverá desembolsar um total de R$2,4 bilhões na Parceria Público Privada. Neste sentido, vale ressaltar que o deságio se aplica a contraprestação, no valor de R$91,1 milhões, pago durante os três primeiros anos, e ao aporte inicial para a obra, avaliada em R$2,1 bilhões. Além disso, o governo mineiro deverá realizar um pagamento adicional de R$211 milhões, valor que será direcionado a uma conta de contingência do projeto. Com a vitória no leilão, a INC terá que viabilizar o anel viário. Inicialmente, está prevista a construção de 70km, o que demanda investimentos estimados em R$4,1 bilhões, valor contabilizado a obra e as desapropriações necessárias.

Ao final da obra, é esperado que o Rodoanel tenha 100km. Sendo assim, os demais 30km necessários para concluir o projeto ainda poderão ser lançados ao longo do contrato, mediante o reequilíbrio econômico e financeiro do país. Em caso contrário, ainda não se sabe as medidas da empresa para lidar com a situação. As construções no Rodoanel deverão ter início em 2024, sendo que a expectativa é que a fase de licenciamento ambiental e o projeto executivo tenha duração de ao menos um ano e meio, conforme informações do Valor Econômico.

Outro trecho do Rodoanel será leiloada pelo Governo de SP

Na última semana, o Governo do Estado de São Paulo marcou o leilão para a concessão à iniciativa privada referente ao trecho norte do Rodoanel Mário Covas. Neste sentido, o leilão deverá ocorrer em 12 de janeiro de 2023, na sede da B3, na capital paulista. Para as entregas dos envelopes, uma sessão pública foi marcada para o dia 12 de janeiro, às 14 horas. Basicamente, o Rodoanel Norte é o último trecho que ainda falta para que ocorra a integração de todas as rodovias que circundam a grande cidade de São Paulo. Inclusive, vale citar que as obras do Rodoanel na região já estão paralisadas desde 2018. Para retomar a obra, é esperado que sejam construídos 44 km, que serão necessários para completar o Rodoanel nos seus 177 KM. Sendo assim, a promessa de ampliação do Rodoanel é facilitar o trânsito na região, especialmente para caminhões da Capital. Em 1998, as primeiras obras do Rodoanel começaram na região. Atualmente, a previsão é que as obras do trecho norte sejam concluídas até 2025. Sendo assim, o Governo de São Paulo estima uma redução de circulação de 19 mil caminhões por dia na capital.

Leia mais: Congresso Internacional do Instituto Brasileiro de Direito da Construção (IBDiC) discute temas da construção civil e outros gargalos da infraestrutura do país em São Paulo.

[gs-fb-comments]

Relacionados
Mais recentes