Início Como melhorar o concreto usando aditivos redutores de água?

Como melhorar o concreto usando aditivos redutores de água?

23 de agosto de 2022 às 18:04
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Como melhorar o concreto
Como melhorar o concreto (Reprodução: divulgação)

Basicamente, podemos dizer que a resposta para se obter um bom desempenho do concreto passa pela rigorosa seleção e para correta proporção de seus elementos constituintes. Neste sentido, podemos dizer que um dos métodos para chegar nesse resultado, e saber como melhorar o concreto é o uso de aditivos redutores de água.

Isso porque, durante esse processo, um dos grandes objetivos é a redução da quantidade de água utilizada, o que permite aumentar a resistência e melhorar a durabilidade do concreto. Além disso, ainda é possível baixar a quantidade de cimento usado, diminuindo o custo financeiro e o impacto ambiental. Para chegar nesses resultados, nada melhor do que usar aditivos redutores de água. Paralelamente, para garantir melhor nos concretos obtidos com o uso de aditivos redutores de água, é necessário o aumento do tempo de trabalhabilidade.

Esse processo é essencial, pois o tempo entre a produção do concreto e o seu uso efetivo vem crescendo, seja pela distância entre a concreteira e a obra, ou até mesmo devido ao tráfego, especialmente nas grandes cidades. Dessa forma, é necessário utilizar aditivos redutores de água, aditivos retardadores ou controladores de hidratação.

Uso de aditivos redutores de água pode melhorar velocidade das obras: Devido a sua importância, a velocidade de construção pede que o concreto apresente ganhos de resistência em poucas horas, como em indústrias de pré-moldados e nas construções em paredes de concreto. Para isso, é recomendado utilizar aditivos aceleradores.

Além disso, também existe uma preocupação constante com os recursos naturais, motivando o uso racional de água e materiais, em um cenário onde os recursos eram anteriormente descartados, hoje são aproveitados com êxito na produção de concreto. Por isso, o que antes era um desafio, hoje é superado com o uso de aditivos redutores de água, além de outros, como o uso de incorporadores de ar ou modificadores de viscosidade para garantir a correção de agregados com curvas granulométricas deficientes.

Paralelamente, podemos citar o uso de aditivos específicos para tratamento de agregados contaminados com argilas. Basicamente, eles são apenas alguns dos aditivos existentes, pois existem diversos outros exemplos onde o uso dos aditivos é fundamental para o sucesso.

Aditivos redutores de água não é a única solução para a construção civil

Hoje, um dos grandes desafios para o setor da construção civil é a destinação de resíduos. Sendo assim, trabalhar a gestão de todos os materiais que não são aproveitados faz parte de uma estratégia trabalhosa, que envolve aspectos financeiros somados aos ambientais. Buscando reduzir esse volume e também atender a toda legislação ambiental referente ao descarte desses resíduos, a incorporadora Corpore, sediada em Dourados, no Mato Grosso do Sul, investiu em uma tecnologia inovadora focada no meio ambiente. Um dos grandes pilares dessa nova missão é a aplicação de um software para gestão de resíduos.

Sendo assim, Elias Cardoso, superior de Segurança do Trabalho da Corpore, aponta que a preocupação ambiental é cada dia maior, especialmente no que diz respeito a resíduos e volumes de materiais descartados. Por isso, uma nova plataforma foi criada pela empresa, a EloConstrction, que melhora a gestão de resíduos, gerindo legislação e aspectos financeiros integradamente em um só lugar. Com a plataforma, é possível iniciar a estruturação dos resíduos, fazer os lançamentos dos Controle de Transporte de Resíduos – CTRs, e ainda separar os resíduos por categorias, tais como concreto, latas de tintas, plástico, madeira, tijolos, e muito mais.

Desde o começo de sua utilização, já foi possível medir o que saia da obra, sendo possível implantar nos demais projetos em andamento, melhorando a gestão de resíduos nos próximos empreendimentos. Ao passar do tempo, a empresa percebeu a importância da ferramenta e já monitora o seu desempenho, utilizando-a em todas as obras. Por fim, a ferramenta possibilita um controle de resíduos mais eficiente, onde a empresa consegue reduzir o número de caçambas usadas diariamente, investir na reutilização de madeiras e ainda promover outras ações ambientais internas, como a semana do meio ambiente e palestras de conscientização.

[gs-fb-comments]

Relacionados
Mais recentes