Tuesday, 28 de September de 2021

Construtora Prestes está com 1.400 vagas de emprego abertas para início imediato em obras no Paraná

Até o final de 2021, a Construtora Prestes quer preencher todas as 1.400 vagas de emprego que estão abertas para diversas obras em construção

Até o final de 2021, a Construtora Prestes quer preencher todas as 1.400 vagas de emprego que estão abertas para diversas obras em construção

Nessa última quinta-feira, (19), a construtora Prestes anunciou que está com diversas novas vagas de emprego abertas para atuar em obras de construção, que estão espalhadas por todo o estado do Paraná, mas que atua de forma predominante, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. No total, são 1.400 oportunidades, distribuídas em diversas funções. Portanto, é uma oportunidade única. Mesmo com a pandemia, a construção civil tem obtido grandes avanços, principalmente as construtoras, que a cada dia, precisam contratar novos trabalhadores para que possam dar conta da alta demanda de obras.

Confira mais notícias interessantes:

Quais foram as vagas de emprego disponibilizada pela Construtora Prestes?

Mesmo em um período onde a situação parece impossível de ser resolvida, as construtoras vêm se erguendo e alavancando o mercado de trabalho com contratações de centenas de novos trabalhadores. Se calcularmos de junho de 2020 até meados de maio de 2021, a quantidade de emprego gerados foi de 317.159. Perfazendo um crescimento de 15%, caso seja comparado o mesmo período do ano anterior.

Atualmente, a Construtora Prestes está com 20 canteiros de obras espalhados por 9 cidades do Paraná. Sendo elas: Apucarana, Cambé, Castro, Curitiba, Guarapuava, Londrina, Maringá e Ponta Grossa. No entanto, enquanto alguns já foram iniciados, os demais estão em fase de preparação. Com essas novas vagas de emprego que foram abertas, a expectativa é que, ocorra um crescimento de cerca de 150% no número de trabalhadores.

“É um crescimento robusto, sustentável e necessário para o volume de obras que temos neste momento e para um futuro próximo”. Entendemos que há uma demanda reprimida muito expressiva no nosso segmento e por isso, colocamos uma campanha em todo o Paraná para atrair esta mão de obra”, revela Felippe Spinello, diretor executivo de Operações.

No momento, a maior preocupação é quanto a qualificação dos profissionais que serão contratados. Afinal, as obras precisam dos melhores, para que seja bem construída e que outras oportunidades apareçam posteriormente. Agora, as 1.400 vagas de emprego estão distribuídas da seguinte forma: 70% sendo destinadas por empreitada e 30% com mão de obra própria. Até o final de 2021, a expectativa é que todas as vagas tenham sido preenchidas.

Como se candidatar nas vagas disponibilizadas pela construtora Prestes?

Para quem está desemprego e mora no estado, essa é uma excelente oportunidade. Afinal, não será necessário ao menos sair de casa para se candidatar. Basta acessar o formulário de inscrição aqui e preencher os dados requisitados. Um outro meio para efetuar a sua candidatura é enviar o seu currículo para o seguinte e-mail: [email protected]

Visando atrair os candidatos necessários para dar segmento e início em algumas obras, empresa tem investido em diversos pontos estratégicos, para ser atrativa aos olhos do trabalhador. Oferece um atendimento diferenciado, seja pessoalmente ou no ambiente virtual, buscando sempre agilidade no atendimento, para sanar todos as dúvidas dos candidatos.

Um outro diferencial da empresa é acerca da remuneração de seus trabalhadores. Pagando sempre os valores que são propostos pelo mercado. além disso, a construtora Prestes irá disponibilizar de treinamento e ascensão profissional para aqueles que conseguirem uma das vagas de emprego que foram abertas recentemente. Para agilizar na contratação dos profissionais e cuidar de toda a documentação, a empresa conta com o POP (Parceiro Oficial Prestes). Que cuida das leis, documentação, cumprimento das normas e outras tarefas.

Ruth Rodrigues
Formada em Ciências Biológicas pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), atua como redatora e divulgadora científica.