Monday, 06 de December de 2021

Como trabalhar em construção civil em outros países?

trabalhar em construção civil em outros países?

Trabalhar em construção civil em outros países é um grande passo para muitos trabalhadores. É importante saber como proceder!

Trabalhar em obras de construção civil em outros países é o desejo e o sonho de muitos brasileiros. Não é difícil de entender o porquê, pois o salário são melhores, as condições de trabalho mais interessantes em outros países do que no Brasil.

Além disso existe o fato de que os residentes não estão interessados nesses empregos em países como Estados Unidos, Canadá e boa parte da Europa, o que acaba atraido mão de obra imigrante.

Muitos profissionais de construção civil Estão aproveitando esta situação e buscando melhoria de vida com ajuda de empregos em outros países.

Se você está interessado nessa possibilidade continue lendo esse artigo, pois iremos mostrar a você principais informações indispensáveis que você precisa para conseguir o seu emprego civil em outro país de forma segura planejada e eficiente evitando programas com departamentos de migração fazendo com que sua possibilidade de extradição seja zero.

Por que buscar empregos em obras de construção civil em outros países?

Esta é uma realidade que já é conhecida a respeito do mercado de construção civil em países desenvolvidos: na grande maioria do tempo existem mais vagas do que trabalhadores interessados, o que faz com que as vagas deste mercado ofereçam salários e condições de trabalho melhores do que no Brasil.

Exatamente por isso não é incomum que muitos profissionais de construção civil (e mesmo pessoas que nunca trabalharam nessa área) procurem trabalhos nesta área quando decidem imigrar.

Especialmente quando falamos em auxiliar ou servente de pedreiro, função mais básica em um canteiro de obras, costuma ter um salário consideravelmente melhor do que o oferecido no Brasil, além de condições de vida mais interessantes na maioria dos países.

Logicamente, nem tudo são rosas nos mercados de construção civil fora do Brasi, mas na maioria das vezes esses profissionais acabam encontrando melhores condições de trabalho, renda e de vida ao trabalhar em construção civil em outros países.

Ei diversos países da Europa Estados Unidos Canadá e Austrália que exista tipos de varas deste tipo sendo oferecidos para Imigrantes só que muitas dessas vagas omitindo os detalhes importantes sobre documentação experiência outros detalhes e levados em consideração por quem uma vida melhor em outro país.

Em resumo, a possibilidade de uma vida melhor para si e para seus filhos anda levando diversos profissionais da construção civil a procurar vagas em outros países. Além do fato de que infra estrutura geral de muitos países acaba sendo superior ao Brasil quando falamos em educação,saúde aquisição de bens e serviços e entre tantas outras coisas, a valorização tanto social quanto financeira da carreira faz com que esses países seja muito desejáveis.

Existe um mercado real para estrangeiros na construção civil?

Esse é um detalhe bem interessante, pois especialmente nas áreas da construção civil de execução e ainda mais nas áreas de acabamento, os países tidos como desenvolvidos, no geral, acabam tendo problemas sérios para preencher vagas, ou seja ,há uma demanda que dificilmente é atendida pelos trabalhadores locais, e esta demanda acaba sendo absorvida por Imigrantes.

Isso também se traduz em outros mercados, como o mercado de serviços, limpeza,jardinagem, muitos dos trabalhadores de restaurante e hospitalidade, entre tantos outros.

Quais são os pré-requisitos exigidos para uma vaga neste mercado?

Como em qualquer mercado se você tiver uma especialização, ou ao menos experiência comprovada na função que você deseja desempenhar dentro das obras em outros países, você tem uma vantagem considerável em relação aos seus concorrentes.

trabalhar em construção civil em outros países
Trabalho na construção Civil não falta nestes países ! Fonte Construção Inglaterra

Curiosamente, saber inglês acaba se tornando opcional. Como muitos dos profissionais envolvidos nas obras também são Imigrantes, a quantidade de pessoas falando espanhol ou até português em muitos desses canteiros de obras.

Ou seja, você pode começar a procurar vagas em construção civil em diversos países sem necessariamente conhecer o idioma, pois muitas delas, (especialmente nos EUA) acabam deixando esse pré-requisito de lado.

Os pré-requisitos para as vagas em se acabam sendo extremamente relacionados com a vaga para você estar se propondo. Caso você não tenha experiência construção civil, muito provavelmente você vai acabar adentrando neste mercado auxiliar/servente de pedreiro.

Caso você não saiba, esta é a função mais “braçal” da obra, onde você fica com a responsabilidade de transportar os materiais para os pedreiros e outros profissionais, fazendo com que eles ganhem tempo e possam produzir mais e melhor.

Agora se você já tem alguma experiência com algum outro tipo de função dentro da obra de construção civil, você pode utilizar sua experiência anterior como uma forma de conseguir uma vaga melhor.

Funções especializadas, especialmente em partes de finalização e acabamento, como pintores, azulejistas acabam obtendo melhores propostas e até conseguindo contratos mais interessantes do que profissionais mais generalistas, porque esses profissionais são ainda mais raros dentro do mercado.

Esta na verdade, uma forma especialmente interessante de aumentar seu “passe” nesse mercado, pois quando você tem várias especialidades e é capaz de desempenhar várias funções dentro da obra, você se torna um trabalhador mais polivalente e os contratantes AMAM isso no exterior.

Outro detalhe, que faz a diferença para escolher as carreiras de construção civil em outros países é que lá fora existe menos preconceito relação a mulheres trabalhando em diversos ambientes de construção civil.

Pedreiras são vistas de forma totalmente indiferente em relação seus colegas homens em praticamente todos os países desenvolvidos, ao contrário do que ocorre, por exemplo, no Brasil, onde ainda existe certo preconceito em relação a mulheres desempenhando funções na construção civil.

Além disso, o ideal é que que você Já saia do país com seu contrato assinado.Existe, muitas pessoas que se utilizam indevidamente do sonho de trabalhadores de conseguir uma vida melhor em outros países e acabam sujeitando estas pessoas a situações extremamente complicadas.

Em alguns casos, os trabalhadores são enganados e obrigados a trabalhar em condições análogas à escravidão, já que estão em países distantes e sem nenhum tipo de suporte.

Ao procurar agências de emprego em outros países, dê preferência as que são responsáveis e bem referenciadas. Você está protegendo sua integridade física evitando cair neste tipo de golpe.

Quais são os países para trabalhar na construção civil?

trabalhar em construção civil em outros países
trabalhar em construção civil em outros países? Aprenda aqui como conseguir sua vaga com segurança! Fonte: Comprar casas em Orlando

Sempre que se fala em sair do país para começar a trabalhar, geralmente existe uma lista tem lista de países que são meio que prioridade.

É importante, porém, que você verifique a realidade desses países. Decisões tomadas no calor do momento não são adeqaudas.

Tenha em que preparação o planejamento especialmente financeira devem fazer parte processo estensamente. Fique alerta para propostas boas demais, pois elas geralmente acabam se configurando golpe ou algum tipo de desonestidade.

A partir de agora vamos dar algumas informações preliminares sobre vantagens e desafios hein bons países para os pais a maioria dos brasileiros acaba viajando quando começa a trabalhar em construção civil.

Lista de países com vantagens e desvantagens.

Os prós e contras de considerar a Inglaterra.

A Inglaterra costumava ser uma das melhores opções para brasileiros interessados em começar uma vida melhor na Europa. Apesar de ser um excelente páis para se verificar, é importante estar atento a uma realidade sobe a Inglaterra

Essa nova realidade, que afeta a Inglaterra chama-se Brexit

Com a saída da Inglaterra da União Europeia, trabalhar na Inglaterra ficou mais difícil, seja na construção civil como em outras áreas como, por exemplo, motoristas de caminhão.

Acontece que a grande maioria dos motoristas de caminhão na Inglaterra não eram britânicos, o que acabou gerando uma série de problemas com a retomada da economia. Alguns de grande importância como distribuição de combustível nos postos.

Essas dificuldades são apenas mais uma excelente oprtunidade para o imigrante brasileiro conseguir seu primeiro contrato e começar a trabalhar com consutrção civil na inglaterra..

Inclusive já existem propostas para trabalho nas áreas necessitadas necessitadas seja facilitada você deseja trabalhar na área de construção civil na Inglaterra essa pode ser a sua chace!

Deixamos Claro o principal desafio de trabalhar na Inglaterra com construção civil tem relação Direta com a dificuldade de entrar no país, e por isso mesmo vale a pena conferir os detalhes com uma agência especializada no momento em que você tiver conseguido juntar algum dinheiro.

trabalhar em construção civil em outros países
Trabalhar com construção civi na Inglaterra tem seus desafios depois do Brexit. Fonte Negócios Brasileiros na inglaterra.

Trabalhar em construção Civil nos EUA

O trabalho em construção civil Estados Unidos é outro mercado que vem sendo procurado imigrantes no geral. Isto porquê os estadunidenses em geral não querem trabalhar construção civil, especialmente nas tarefas mais básicas, como auxiliar de pedreiro.

Além disso acabam faltando profissionais de finalização e outras funções mais específicas. Em média, o profissional de construção civil nos Estados Unidos ganha cerca de $600 por semana.

Além disso, as empresas estimulam ou trabalhador a continuar estudando para se tornar cada vez mais especializado.

Como você pode ver, as vantagens estão bem interessantes no ramo de construção civil nos Estados Unidos.

Existem, porém, algumas desvantagens, como, por exemplo, o fato de que os Estados Unidos não possuem um sistema de saúde público. Tanto os planos de saúde quanto hospitais particulares são particularmente caros por lá, então é importante verificar com a empresa no momento da contratação se haverá um plano de saúde esse plano de saúde é de qualidade.

trabalhar em construção civil em outros países
Saúde é uma preçocupação séria se você for trabalhar nos EUA Fonte Brasileiros pelo Mundo

Além disso Existem algumas dificuldades em relação ao primeiro contrato, pois o recomendável e que ele seja de longo prazo, para te ajudar a se situar no país.

Trabalhar em construção civil e Portugal

Outro lugar que vem sendo muito buscado por brasileiros para trabalhar em construção civil e em outras áreas é Portugal Em Portugal existe a grande de vantagem de você já saber o idioma, embora seja necessário alguma adaptação para entender o português de Portugal em sua totalidade.

Além disso Portugal, ao contrário na Inglaterra está dentro da União Europeia, o que acaba facilitando o deslocamento para outros países do bloco, inclusive para atender contratos de construção civil.

Assim como um toda a Europa, Portugal vem retomando o fôlego dos negócios, logicamente envolvendo a contrução de novas obras, o que gera uma quantidade considerável de oportunidades para trabalhadores da construção civil, que já não costumam ser tantos no páis.

Dessa maneira Portugal vem oferecendo oportunidades para aqueles interessados em trabalhar nos cargos mais básicos, embora o mercado para arquitetos Engenheiros seja especialmente vantajoso para brasileiros.

Um detalhe interessante para os Arquitetos: por um acordo bilateral Brasil Portugal, os arquitetos de ambos os países podem trabalhar sem validação de diploma em outro país. Basta que você seja inscrito em algum conselho de arquitetura e urbanismo no Brasil e você pode trabalhar tranquilamente em Portugal.

trabalhar em construção civil em outros países
Aprender a falar o portugês de Portugal pode ser um desafio. Fonte Shuterstock

Agora no caso de engenheiro civil Você precisará entrar na ordem dos engenheiros de Portugal. Para fazer essa entrada, você precisa mandar o seu currículo a instituição e eles vão ,por meio deste, verificar se é possível aprovar você dentro da ordem dos Engenheiros ou não.

Uma das desvantagens de trabalhar em Portugal em construção civil é que começa a existir um pequeno preconceito contra brasileiros em Portugal. As ondas migratórias estão se tornando cada vez mais constantes portugueses sentem com tanto quanto ressentidos com os brasileiros.

As médias de salários são um pouco mais baixos do que os praticados no Brasil para algumas vagas em especial. mas com a vantagem de ser um primeiro passo para se mudar para a Europa onde, existem algumas possibilidades de mercados melhores, além da chance de aproveitar a possibilidade de midgrar para quase toda a Europa.

Trabalhar na Construção civil no Canadá

Por último, mas não menos importante, outro país que vem atraindo muitos trabalhadores da construção civil é o Canadá, com uma boa política de imigração, com facilidades e vantagens para quem interessa de mudar para o país em trabalhar o Canadá.

É importante levar a questão do idioma em conta, pois tanto em sua parte ingles quanto em sua parte francesa.

Com esse ponto resolvido, o Canadá acaba se destacando como uma alternativa interessante para aqueles interessados em imigrar para trabalhar na construção civil desse pais de tradição extremamente gentil.

Uma das maiores desvantagens do país é seu clima. Não é todo mundo que consegue se acostumar com o clima especialmente frio da parte norte do país, o que acaba se transformando em uma dificuldade e nem todos os brasileiros estão dispostos a superar.

Lembrando sempre que é simplesmente indispensável o contato (e o contrato) com as empresas do país antes de mudar e preferencialmente você sair do país com visto de trabalho e com contrato fechado.

As pessoas que arriscam indo para os países com visto de turista e então tentando conseguir empregos por lá acabam tendo muito mais dificuldades do que vantagens e podem, inclusive serem deportados com uma restrição de entrada para retornarem ao país.